ACADEPOL - ACADEMIA DE POLÍCIA

Academia de Polícia "Dr. Coriolano Nogueira Cobra"

A primeira Escola de Polícia de São Paulo foi criada pela Lei nº 2034/24. A Escola de Polícia foi outro setor que passou por modificações ao longo dos anos. De 1934 a 1936, funcionou em um prédio na Rua Visconde de Rio Branco, nº 541, e no ano seguinte, devido à ampla reforma no ensino técnico-policial realizada por Adhemar de Barros, foi substituída pelo Instituto de Criminologia do Estado de São Paulo, IC, pois o governador entendia que o ensino policial deveria incluir as questões de Criminologia.

Apenas em 24 de julho de 1969, através do Decreto nº 52.213, a Escola de Polícia passou a se chamar Academia de Polícia, recebendo no dia 6 de março de 1975, a denominação de Divisão de Ensino e Aperfeiçoamento.

Finalmente, em 27 de maio de 1970, foi realizado o ato de despedida do velho prédio da Rua São Joaquim, com celebração de missa de ação de graças, sendo transferida a Academia de Polícia para o prédio na Cidade Universitária, zona oeste de São Paulo.

 
O atual prédio do campus I, foi inaugurado em 11 de maio de 1970, e o Decreto. nº 20.672/83, elevou a Acadepol à categoria de Departamento. A Academia de Polícia “Dr. Coriolano Nogueira Cobra” – ACADEPOL, é órgão de apoio aos de execução, da Polícia Civil do Estado de São Paulo. Dentre suas atribuições básicas estão a realização de concursos públicos para cargos policiais civis de natureza efetiva e outros cargos relacionados às áreas de saúde e administrativa; o planejamento e a realização de Cursos de Formação Técnico-Profissional para os integrantes das carreiras policiais civis, em estágio probatório, e de Cursos Complementares para os ocupantes de cargos policiais civis, inclusive, com autorização do Delegado Geral de Polícia, para integrantes de outras categorias funcionais da Administração Estadual e, mediante convênio, para integrantes de outras instituições públicas ou privadas. Além disso, também pode promover a formação e o ensino continuado também por intermédio da modalidade educacional do ensino a distância; ministrar cursos de pós-graduação mediante prévia autorização dos órgãos estaduais ou federais competentes (Portaria GP nº 64/2010); e realizar o Curso Superior de Polícia.
 
Compete ainda pesquisar no campo de ensino de suas atribuições; realizar processo seletivo para preenchimento de função de Professor; promover a edição da revista "Arquivos da Polícia Civil de São Paulo"; e promover intercâmbio e/ou propor a celebração de convênios com instituições de ensino nacionais e internacionais e órgãos e entidades públicos ou privados; entre outras. (Decreto nº 60.930, de 2/12/2014)
Atualmente, a Academia, que se denomina “Dr. Coriolano Nogueira Cobra”, realiza concursos públicos para provimento de vagas das carreiras policiais, de caráter efetivo e temporário, das classes administrativas da Polícia Civil, e de despachantes policiais, e mantém o atual Museu do Crime, onde há objetos e documentos relacionados a crimes de grande repercussão e à história de “famosos” criminosos.

Assistência Policial

Entre as funções de assistência e administração, tem por atribuições auxiliar o Delegado de Polícia Diretor da ACADEPOL no desempenho de suas funções; e coordenar e planejar a modalidade educacional do ensino a distância. Por meio da Unidade de Inteligência Policial, pode ainda planejar e organizar as informações para aprimoramento do processo de inteligência da seleção, formação e complementaridade dos servidores policiais civis; gerenciar os dados atinentes à investigação ético-social, durante os concursos públicos de ingresso às carreiras policiais civis e os Cursos de Formação Técnico-Profissional;. Além disso, coordena o Museu da Polícia Civil que tem a função de coletar, preservar e divulgar instrumentos, aparelhos, objetos, documentos, publicações e textos, ligados a atividades policiais, bem como a crimes ou de interesse para o ensino policial; e preservar a história da Polícia Civil do Estado de São Paulo, difundindo seu conteúdo e seus valores. Com relação ao Centro de Direitos Humanos e Segurança Pública “Celso Vilhena Vieira”, que tem a função de auxiliar na educação e conscientização dos policiais civis alunos, analisar temas e questões relativas aos Direitos Humanos; elaborar estudos, pareceres e trabalhos científicos que visem a incrementar a política de Direitos Humanos no âmbito da Polícia Civil; e ainda manter intercâmbio com organismos congêneres, visando maior integração e troca de experiências.

Secretaria de Concursos Públicos

Tem atribuições de planejamento das atividades relacionadas com concursos públicos, bem como acompanhar e fiscalizar a entidade, sem fins lucrativos, contratada para essa finalidade específica, que estiver incumbida da realização dos certames. Também controla a realização de concursos públicos; dos processos para seleção de professores; prepara materiais destinados às inscrições e editais de instauração de concursos e demais procedimentos relativos à documentação de candidatos. 

Secretaria de Cursos de Formação

Tem atribuições voltadas aos Cursos de Formação Técnico-Profissional, tais como planejar, controlar e executar as atividades relacionadas com os cursos; programar os cursos; estimar e preparar o material necessário à realização dos mesmos, entre outros. São 13 carreiras policiais.

Secretaria de Cursos Complementares, de Pesquisa e Apoio à Produção Científica

Tem as atribuições de planejar e executar as atividades docentes dos cursos complementares, de aperfeiçoamento, aprimoramento, atualização, especialização e outros; além de elaborar o Plano Anual de Ensino – PAE e os editais pertinentes aos cursos. Fomentar o desenvolvimento de pesquisas destinadas à ampliação do conhecimento e ao aprimoramento das atividades da Polícia Civil; fornecer subsídios técnicos e científicos à conformação do exercício policial judiciário, e demais atividades. Coordena ainda as atividades da Equipe de Documentação e Biblioteca. Ao todo são 124 cursos complementares, sendo 93 de especialização, 17 de treinamento, 11 de atualização e 3 extraordinários.

Secretaria de Coordenação e Controle do Interior

Tem as atribuições de coordenar e controlar o exercício das atividades de ensino e pesquisa das Unidades de Ensino e Pesquisa – UEPs das Assistências Policiais dos Departamentos de Polícia Judiciária de São Paulo Interior – DEINTERs. As UEPs têm como atribuição executar, no âmbito dos respectivos DEINTERs  os cursos de formação técnico-profissional e os cursos complementares, de aperfeiçoamento, aprimoramento, atualização, especialização e outros de interesse do policial civil ou dirigidos à comunidade; atuar no âmbito cultural e educativo, através da realização de cursos, seminários, palestras e de eventos congêneres, de forma a favorecer e estimular a integração e a interação da Polícia Civil com a comunidade apoiando, principalmente, as atividades desenvolvidas pelos Conselhos Comunitários de Segurança – CONSEGs e por organizações sociais afins.

Serviço Técnico de Apoio

Coordena as funções da Equipe de Psicotécnica que é responsável por prestar acompanhamento psicológico aos alunos da ACADEPOL e por oferecer aconselhamento e acompanhamento psicológico e atendimento terapêutico para policiais civis, mediante procura espontânea dos interessados. A Equipe também realiza exames psicotécnicos, com vista à obtenção de porte ou registro de arma para policiais civis aposentados ou membros de outras instituições, mediante convênio ou termo de cooperação pertinentes, bem como para candidatos a cargos policiais civis. Com relação à Equipe de Laboratório, poderá propiciar meios para as atividades práticas planejadas pelas Secretarias. E, é responsável também pelos estandes de tiro, virtual e real, nos Campi da Cidade Universitária e Mogi das Cruzes.

Congregação

Possui atribuição de homologar a constituição de comissões de concurso de ingresso às classes iniciais das carreiras policiais civis e do processo seletivo para professor temporário; além de deliberar sobre outras decisões das demais Secretarias.

Unidades Docentes

São seis: Unidade Docente de Administração Policial; de Criminalística; de Criminologia; de Medicina Legal; Polícia Administrativa; e de Polícia Judiciária.

Divisão de Administração

Tem em sua estrutura o Núcleo de Saúde que inclui Ambulatório Médico, além dos Núcleos de Pessoal; de Finanças; de Suprimentos, Patrimônio e Sub-frota; de Protocolo e Infraestrutura; e o de Apoio Operacional.

Endereços:

  • Campus I – Cidade Universitária - Praça Professor Reynaldo Porchat, 219 – Butantã – São Paulo/SP. 

  • Campus II  - Mogi das Cruzes -  Estrada do Chinês, Km 2 – Parque das Varinhas, Jundiapeba – Mogi das Cruzes.

Estrutura

Memória da Polícia Civil de São Paulo ©2012-2019 - Todos os direitos reservados                                                                                                    Desenvolvido por equipe PRQM

  • Memória da Polícia Civil de SP
  • Canal Paulo Roberto Q. Motta